quarta-feira, 2 de maio de 2012

Oh!...

(Quad-foto: Reboliço, há segundos.)
Caneco... Estava a terminar o Em Câmara Lenta e lá se foi. Falava como ninguém, filmava com doçura e agrume, ao mesmo tempo. Mas o olhar, o olhar e a voz, eram só mel. Uma abelhinha, Fernando, nesta chuva e à velocidade que as nuvens hoje levam.